Whois privado: o que é e para que serve


Sempre que registas um novo domínio tens que colocar a tua informação pessoal, nomeadamente o teu nome, morada, contacto telefónico e email. Faz sentido fornecer essa informação para, em caso de dúvida, a entidade que gere os domínios saber a quem efetivamente pertence determinado domínio.

Teoricamente, essa informação deverá estar disponível para toda a gente poder consultar, usando por exemplo o ICANN WHOIS. Para fazeres um teste, basta colocares lá qualquer url e recebes informação sobre a quem pertence, quais os dados de contacto, etc. Como deves calcular, esta forma de obter a informação é muito prática, mas também é uma porta aberta para spammers e pessoas com más intenções se apoderarem das tuas informações pessoais. No caso de uma empresa não é tão grave, mas no caso de um particular pode não ser de todo aconselhável partilhar esta informação

O Whois privado é um serviço disponibilizado por quase todos os sites que vendem registos de domínios e que te permite ocultar a tua informação pessoal. Basicamente, tu pagas a funcionalidade, ou ela é-te oferecida, e em vez de apresentarem a tua informação pessoal quando alguém fizer a consulta do whois, apresentam uma informação gerada por eles. Se existir uma ordem judicial, aí sim, disponibilizam a tua informação pessoal.

Este site(nunobarreto.com) tem o Whois Privado ativo, por exemplo. Se fizeres pesquisa no site que indiquei em cima, poderás verificar que a minha informação é:

Informação whois do site nunobarreto.com


Como vês, nem sequer o meu nome, Nuno Barreto, aparece na informação disponibilizada.

Eu registo todos os meus domínios na Namesilo e lá eles oferecem o Whois Privado. Tem em atenção que na maior parte dos locais de registo de domínios tal não acontece, e para usufruíres da funcionalidade, por vezes, pagas adicionalmente tanto ou mais caro que o valor gasto para fazer o registo normal.

É importante ressalvar que há TLDs que não permitem usar este tipo de serviço, disponibilizando sempre a tua informação. Isso acontece com os domínios terminados em .asia, .bz, .ca, .cn, .de, .eu, .li, .ch, .fr, .sg, .com.sg, .in, .uk .co.uk, .me.uk, .org.uk, .nu, .us, .es, .com.es, .nom.es, .org.es, .com.au, .net.au, .org.au, .nyc, .xn--3ds443g and .xn--6frz82g.

A minha sugestão é que, se puderes (e principalmente, se for gratuito), usufrui desta funcionalidade.

Até ao próximo artigo!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Remover "Criado com Wordpress"

Porque migrei o blog de Wordpress para Blogger